Diálogo Zen

Um koan é uma pequena história, diálogo, pergunta ou afirmação feita para provocar reflexão. É uma das bases do budismo Zen.

O Shaseki Shu é uma compilação de koans do mestre zen Muju, do século XIII, à qual foram adicionadas outras histórias, do século XIX e XX, e publicada em 1919 por Nyogen Senzaki com o nome 101 Zen Stories. Vou começar por elas, na esperança de entender um pouco do Zen.

Algumas dessas histórias são enigmáticas, outras são surpreendentes, e algumas não fazem o menor sentido – pra mim. Agora deixo ao seu critério.

DIÁLOGO ZEN

Mestres Zen treinam seus pupilos como se expressar. Dois templos Zen tinham, cada um, uma criança protegida. Uma delas, indo comprar verduras de manhã, encontrou a outra no caminho.

“Onde você está indo?” – perguntou a primeira.

“Vou onde quer que meus pés forem.” – respondeu a outra.

Essa resposta confundiu a primeira criança, que foi até seu professor por ajuda. “Amanhã de manhã” – disse o mestre – “quando encontrar aquele camaradinha, faça a mesma pergunta. Ele vai te dar a mesma resposta, e aí pergunte: Imagine que não tenha pés, então aonde está indo? – Isso vai resolver.”

Os dois meninos se encontram no dia seguinte.

“Onde você está indo?” – perguntou a primeira criança.

“Vou para onde quer que o vento sopre.” – respondeu a outra.

Isso mais uma vez deixou o jovem pupilo sem resposta, que levou sua derrota para o professor. “Pergunte a ele onde ele vai se não houver vento.” – sugeriu o professor.

No dia seguinte, se encontraram pela terceira vez.

“Onde você está indo?” – perguntou o primeiro.

“Vou ao mercado comprar verduras.” – respondeu o outro.

5 Comentários

    1. ZNP
      ·

      Acho que é por essas e outras que inventaram o voto de silêncio! 😀

      Abração, Erich!

      Responder
  1. razmth
    ·

    Esse koan é tão enigmático que o enigma se escondeu e se fez parecer com uma piada, hahaha!

    Responder
    1. ZNP
      ·

      E já não é o primeiro assim, né? Vai ver, os monges Zen eram mais bem humorados do que a gente pensa! Parecem até mais sábios agora! 😀

      Bom dia, raz!

      Responder

Deixe sua opinião