Economia Colaborativa

Espera-se que a economia do país tenha um 2016 ainda pior do que o ano passado. Até porque este ano já começa onde o passado começou: com um PIB de -3,7%, um milhão e meio de vagas formais encerradas e quase 4 milhões de pessoas devolvidas às classe D e E.

Com o dólar valendo mais de 4 reais e o IOF de 6,38% pra gastos no exterior, sair do país a passeio é uma opção pra poucos.

Por outro lado, necessidade e criatividade se combinam como poucas coisas. Quem tem um carro que usa pouco, ou apenas nos finais de semana, pode fazer um dinheirinho oferecendo-o para aluguel.

É a proposta do Fleety, onde carros de todos os tipos ficam à disposição, dos modelos populares aos super esportivos. Tudo com um seguro emitido durante a locação. Por enquanto, só em Curitiba, Sampa e Floripa. Já usei e deu muito certo.

As vantagens sobre a locação comum vão da praticidade de poder escolher um carro perto da sua casa, e não ter que ir até uma agência de uma locadora, até o custo, que mesmo com a taxa de limpeza ainda compensa bastante.

O Airbnb já é velho conhecido. E combinando os dois, temos uma plataforma perfeita para um turismo sem o ágio do turismo “old school”. E o turismo doméstico de compartilhamento vai ser a opção mais inteligente do ano (que é de onde saiu a foto que ilustra este texto).

Ir em bons restaurantes pode dar lugar a receber os amigos em casa. Hábito que também tem saído do círculo de amigos pro círculo de fregueses.

Um sobrado do Beco do Batman abriga o Clandestino, da chef Bel Coelho, e o já tradicional Amigo do Rei oferece culinária persa autêntica. Ou seja, compartilhamento não precisa ser uma tática de guerrilha econômica. Também pode ser muito chique.

E se o seu talento não for cozinhar, mesmo assim pode oferecer seu trabalho – e precisar de um outro. É a proposta do GetNinjas! Onde uma turma ligeira (da qual você também pode fazer parte) resolve seu problema com velocidade e sem enrolação.

A tecnologia finalmente está possibilitando comunidades que compartilham de verdade. Que oferecem e tomam serviços de uma maneira inteligente, ágil e financeiramente viável.

Sem falar que muito disso ainda está isento de impostos, o que é outro bônus. Não é um alívio saber que o seu dinheiro está financiando exatamente o que você precisa?

2 Comentários

  1. BK72
    ·

    Muito bom. Não conhecia o Get Ninja e tampouco o Fleety. Estou desatualizado…

    Abs

    Responder
    1. ZNP
      ·

      Grande BK! O bom é que funcionam! Vou usar mais vezes e continuar recomendando. O inverno está vindo…

      Responder

Deixe sua opinião